Mulheres de Independência participam de encontro municipal e discutem cultura positiva do Agro

A live foi promovida pela Prefeitura de Independência em parceria com Emater/RS-Ascar, Rotary Club e Interact, com patrocínio da Sicredi e Mann Peças e apoio do comércio local

Mulheres de Independência participam de encontro municipal e discutem cultura positiva do Agro

Em uma programação especial no Mês da Mulher, o município de Independência prestou sua homenagem reunindo centenas de mulheres – virtualmente – na 24ª edição do Encontro Municipal de Mulheres, na sexta-feira (26/03). A live foi promovida pela Prefeitura de Independência em parceria com Emater/RS-Ascar, Rotary Club e Interact, com patrocínio da Sicredi e Mann Peças e apoio do comércio local.

O prefeito de Independência João Edécio Graef saudou “as mulheres batalhadoras, de fibra, força e coragem”, ao mesmo tempo em que motivou para que permaneçam lutando, todos dias, com perseverança, “nada foi dado a vocês, tudo foi conquistado através da luta contínua”, disse.

Quem acompanhou a live teve a oportunidade de conhecer as experiências e se inspirar nas falas das agricultoras vinculadas ao Movimento Agroligadas, movimento de mulheres que tem como propósito ser ponte entre o campo e a sociedade, por meio de ações de comunicação e educação, promovendo e incentivando a cultura positiva do Agro. Esta conexão entre o agronegócio e toda a sociedade, bem como o papel das mulheres neste contexto – desempenhado com coragem, sensibilidade, responsabilidade e protagonismo - foram destaque nas falas da presidente do Movimento, Geni Schenkel, e da coordenadora do Núcleo Regional RS, Leidiane Móri.

As participantes acompanharam também depoimentos inspiradores de mulheres de diferentes segmentos da comunidade. A apresentação dos talentos locais abrilhantou o evento com música e poesia.  Para todas aquelas que curtiram e compartilharam a live foram sorteados prêmios e brindes doados pelo comércio local.

A extensionista da Emater/RS-Ascar Vera Waechter avalia que o formato virtual foi a oportunidade destas mulheres se encontrarem neste momento de pandemia, para seguir as discussões sobre temas importantes para seu dia-a-dia e relatar os desafios de ser mulher em diferentes segmentos da nossa sociedade. “Foram 628 pessoas que assistiram ao vivo e interagiram durante o encontro e o link segue disponível e pode ser assistido por outras inúmeras. Em quatro dias já foram mais de 2,8 mil visualizações”, destaca.