Coopermil vai construir Centro de Distribuição da Rede Super São Luiz

​​​​​​​O investimento, orçado em mais de R$ 4.400.000,00 e com 4.160 metros quadrados de área construída, será edificado junto ao trevo do Anel Rodoviário de Santa Rosa, saída para Giruá

Coopermil vai construir Centro de Distribuição da Rede Super São Luiz

Aconteceu no dia 24 de dezembro, junto as dependências do gabinete do Prefeito Municipal de Santa Rosa a assinatura do alvará de autorização para construção do novo Centro de Distribuição da Área de Supermercados da rede Super São Luiz.

O investimento, orçado em mais de R$ 4.400.000,00 e com 4.160 metros quadrados de área construída, será edificado junto ao trevo do Anel Rodoviário de Santa Rosa, saída para Giruá, em uma área total de 09 hectares de propriedade da Coopermil. Nesta primeira etapa do Centro de Distribuição a estrutura contará com mais de 2.160 posições pallets, além das áreas de armazenamento e movimentação de carga e descarga, dotado de empilhadeiras elétricas, pensando na questão do meio ambiente e manuseio de alimentos.

Segundo o supervisor da área de supermercados da Coopermil, Nelson Casagrande, o projeto prevê a instalação da estrutura completa do Centro de Distribuição, com a infraestrutura necessária para que o atendimento as atuais 12 lojas da Rede Super São Luiz possam ter um atendimento diferenciado, mais ágil, com menor número de rupturas no estoque de produtos e maior agilidade na distribuição dos produtos para todas as lojas.

Já o Diretor Executivo da Cooperativa, Gabriel Augusto Weber, destacou o investimento da Coopermil neste empreendimento, adequando a estrutura da Cooperativa para os próximos anos, tanto na questão da saída do Centro de Distribuição da área central da cidade de Santa Rosa como no crescimento do setor de supermercados.

O Centro de Distribuição do Super São Luiz faz parte do projeto de investimentos definidos pelo Conselho de Administração da Coopermil e agora com a assinatura do alvará de construção e a liberação do financiamento por parte do BRDE prossegue buscando a as autorizações para a liberação do acesso viário por parte do DAER junto ao trevo do anel viário e na sequencia devem iniciar os trabalhos de terraplanagem da área para a instalação do canteiro de obras e início da construção propriamente dita.