Com avanço na área irrigada, Campina das Missões realiza Seminário de Reservação de Água e Irrigação

O evento promovido pela Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), contou com o apoio da Administração Municipal e da Comercial Hermanns

Com avanço na área irrigada, Campina das Missões realiza Seminário de Reservação de Água e Irrigação

Nos últimos anos avança em todo o Estado o interesse pelo acesso e execução de políticas públicas voltadas ao aproveitamento da água para a produção agropecuária. Em Campina das Missões esse contexto tem avançado, culminando na demanda pela realização do Seminário Municipal de Reservação de Água e Irrigação nesta quinta-feira (26/05), no Centro Administrativo do município. O evento promovido pela Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), contou com o apoio da Administração Municipal e da Comercial Hermanns.

O chefe do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar, Antônio Jung, apresentou a sistematização de informações relativas à reservação de água e irrigação no município, que se destaca pelo número de sistemas implantados, sendo a maior parte voltada a pastagens aproveitadas na atividade leiteira. Já o extensionista Valmir Thume abordou o manejo de sistemas e cenários futuros, destacando potencialidades e limitações.

A legislação ambiental para a reservação de água e irrigação também esteve na pauta, sendo abordada pelo engenheiro agrônomo da Secretaria Municipal de Agricultura e de Meio Ambiente, Nilson Rauber Zimmermann. Orientações para a manutenção de sistemas de irrigação foram apresentadas pelo técnico da Comercial Hermanns Daniel Bohnert.

A discussão a partir das temáticas abordadas no seminário contou também com a contribuição do extensionista do Escritório Regional da Emater/RS-Ascar, engenheiro agrônomo Marco André Junges.

Além das explanações dos técnicos, a programação foi marcada por uma intensa troca de experiências com o diálogo entre extensionistas e produtores para que cada um possa subsidiar-se de informações que possam ser adequadas à sua realidade.

Irrigação em Campina das Missões

O município somou 62 produtores irrigantes, entre 2013 e 2020, contemplando uma área total irrigada de 287,11 hectares. Destes, 13 adotaram sistemas de irrigação implantados com captação de água de rio, com capacidade para irrigar 77,2 hectares, no total. Neste mesmo período foram implantados 49 sistemas com aproveitamento de água reservada em açudes, abrangendo uma área de 209,91 hectares.

Em relação à destinação dos sistemas de irrigação já implantados no município, 74,23% são voltados a pastagens, 25,07% a culturas anuais e 0,7% à olericultura.

 

 

 

Trinta e sete destes estabelecimentos rurais aderiram ao programa de energia verde, com desconto na conta de energia elétrica para aqueles que acionam o sistema de irrigação entre 21h e 6h. Para que o produtor lance mão deste desconto, é necessário que se instale um contador específico para o sistema de irrigação.

Assim como em Campina das Missões, os temas da irrigação e da reservação de água consolidaram-se na região administrativa de Santa Rosa e transformaram o cenário e a produtividade de milhares de propriedades. O esforço do Estado nos últimos anos em apresentar políticas públicas de estímulo a estas áreas têm apresentado efeitos positivos. A execução destas políticas, com o assessoramento da Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (Aters) têm transformado realidades, com ampliação da produtividade em propriedades que chegam a 100%, conforme relatos de famílias assistidas. A ampliação da produtividade também aponta para maior geração de renda e mais oportunidades de permanência no meio rural.

Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar - Regional de Santa Rosa

Jornalista Deise A. Froelich